Arquivo da tag: Ministério da Saúde

Aumento de violência doméstica leva hospital a alertar profissionais, em Alagoas

[tweetmeme]

O Núcleo de Epidemiologia do Hospital Geral do Estado de Alagoas (HGE) registrou, no ano passado, 382 casos de violência doméstica, sexual ou auto-provocada (suicídio). No HGE, o Núcleo de Epidemiologia promoveu capacitações para sensibilizar a equipe multiprofissional sobre a necessidade de anotar na ficha ou prontuário do paciente qualquer suspeita de maus tratos, principalmente, contra mulheres, crianças, adolescentes e idosos.

A notificação de suspeita de casos de violência é obrigatória para todos os profissionais dos serviços de saúde públicos e privados, como previsto na portaria 104, publicada pelo Ministério da Saúde no último mês de janeiro.

De acordo com coordenadora do núcleo, Maria das Mercês Pereira, os dados sobre violência doméstica permitem aos gestores de saúde das três esferas de governo implementar medidas para diminuir as ocorrências. ” Ao conscientizar os profissionais que atuam no hospital sobre a importância da notificação, estamos contribuindo para reduzir os índices alarmantes que são veiculados na mídia e colaborando para a sobrevivência mais digna das vítimas” , destacou.

Ela explicou que apesar de o HGE ter registrado 382 casos de violência em 2010, quem for conferir os números no Sistema de Informação Nacional de Agravos de Notificação (Sinan) encontrará somente 195 notificações. ” A diferença ocorreu porque o Núcleo de Epidemiologia do HGE começou a notificar antes da instalação do sistema na unidade. O mais importante é que já dispomos de uma ferramenta de trabalho que vai orientar as ações de vigilância epidemiológica em Alagoas” , justificou.

” Ainda temos dificuldades na busca das informações, por isso apelamos a todos os profissionais para que façam anotações precisas nas fichas e prontuários do paciente” , ressaltou a coordenadora, acrescentando que os dados sobre violência já foram publicados no boletim epidemiológico do HGE.

Notícia retirada do Portal ISaude

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em

Casos de violência doméstica e sexual constatados por médicos do SUS serão reportados em até 24 horas ao Ministério da Saúde

[tweetmeme]

SUS: Uma de cada quatro pacientes agredidas denuncia

Rio – Os casos de violência constatados por médicos do SUS serão reportados em até 24 horas ao Ministério da Saúde e a expectativa é que as estatísticas, hoje baseadas nos registros policiais, sejam quadruplicadas. A decisão de incluir violência doméstica, sexual e outras agressões, físicas ou não, na Lista de Notificação Compulsórias foi publicada quarta no Diário Oficial.

Segundo a titular da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher do Centro, Waleska Garcez, só uma entre quatro mulheres agredidas registra ocorrência: “Contar os casos que dão entrada no hospital vai ajudar a elaborar políticas públicas para conter a violência, pois os números ficarão mais próximos da realidade”.

“Em três anos esperamos que as 5.300 cidades façam notificação em todas as unidades de saúde”, diz a coordenadora de Doenças de Agravos Não Transmissíveis do ministério, Deborah Malta.

 

Deixe um comentário

Arquivado em