Homem atira na esposa e tenta se matar na frente dos filhos, em Belo Horizonte

[tweetmeme]

A manhã de sábado, 6, foi marcada por terror e pânico no bairro Nova Esperança. Depois de tentar matar a esposa, homem tenta suicídio na presença dos filhos de 9 e 4 anos. O casal permanece internado, em estado grave, no Hospital João XXIII, em Belo Horizonte.

De acordo com a Polícia Militar, era por volta das 7h30, quando o 190 recebeu diversas ligações com pedidos de socorro. Apavoradores, moradores que residem próximo ao número 957, da rua Barão de Cocais, no bairro Nova Esperança, informavam terem ouvido barulhos de tiros. Entre as ligações, a mãe do autor também pediu ajuda da polícia.

Militares encontraram o desocupado Juliano Lucas dos Reis, 31, caído próximo à cama onde estava a esposa dele, a dona de casa Luciana Gonçalves Coelho Lage, 30. A mulher ficou gravemente ferida depois de ter sido atingida com um tiro na cabeça e outro no pescoço. Em seguida, o marido tentou por fim à própria vida e atirou na cabeça. Os filhos do casal presenciaram o crime.

Apesar da gravidade do ferimento, o autor dos disparos também tentou atirar contra os policias que atenderam a ocorrência. A tragédia só não foi maior porque, segundo a polícia, o homem desmaiou. O casal foi levado ao Hospital Margarida pela equipe do Serviço Voluntário de Resgate (Sevor). Por causa da gravidade das lesões, marido e mulher foram imediatamente transferidos para a capital mineira.

Até o fim da tarde de ontem, o estado de saúde de Luciana era muito grave. Ela permanece internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e respira com ajuda de aparelhos. Já o autor dos tiros também corre risco de morrer e permanece internado em estado grave no Centro de Tratamento Intensivo (CTI), no Hospital João XXIII. A unidade de saúde não soube informar se o autor é vigiado por policiais.

A mãe de Juliano é vizinha do filho. Ela contou à polícia que o autor teria discutido com a esposa, na madrugada de sábado, horas antes do crime. Depois das 7h, a mulher ouviu barulho de três disparos. Momentos depois, os netos chegaram à casa dela relatando o crime.

As brigas entre o casal eram freqüentes e Luciana já teria sido orientada a registrar Boletim de Ocorrência por causa das diversas ameaças promovidas pelo marido, mas a esposa nunca procurou a polícia.

A mãe do autor também contou à polícia que no momento do crime os filhos do casal dormiam na mesma cama onde a mãe foi alvejada. O revólver calibre 38 utilizado no crime foi apreendido por militares. De acordo com a Polícia Militar, Juliano tem passagens por envolvimento com tráfico de drogas.

Notícia retirada do Portal Cidade Mais

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s