Mulher é estuprada pelo ex-marido e jurada de morte, em São Bernardo do Campo

A familía de P.O.A de 28 anos está desesperada com as ameaças de morte que a dona de casa vem sofrendo do ex-marido J.C.S de 29 anos. No dia 20 deste mês, P.O.A recebeu uma ligação do ex-marido e durante uma breve conversa, ele disse que havia dado seis meses de vida a ela, e que agora só lhe restavam dois meses.

Na madrugada deste domingo, 29, J.C.S foi até a residência da ex localizada à Rua Das Andorinhas no bairro Jardim das Orquideas II, bateu na porta e a chamou pelo apelido. Sonolenta, P.O.A abriu a porta pensando que fosse seu namorado. Ela foi agredida e violentada sexualmente pelo ex-marido, que logo após a ato foi para a casa de sua mãe.

A dona de casa, disse a reportagem da Rádio Caçula que ligou para o 190 da Polícia Militar, mas o policial que a atendeu informou que os militares não poderiam entrar no imóvel da mãe do acusado, já que não havia uma ordem judicial para entrar na casa e efetuar a prisão de J.C.S. Ele então orientou a vítima a procurar a Delegacia de Polícia Civil.

Diante da resposta do PM, P.O.A procurou a Depac ( Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) para mais uma vez registrar um boletim de ocorrência contra o ex-marido e pedir proteção.

Ela explicou que em fevereiro deste ano J.C.S ateou fogo em sua casa com o intuito de matá-la juntamente com seus três filhos. P.O.A disse que ficou casada com o acusado durante seis anos e teve dois filhos com ele sendo um menino de 4 anos e uma menina de 2 anos.

A vítima comentou que durante os últimos anos que esteve com J.C.S sofreu muitas ameaças e que em uma das vezes ele chegou a marcar a letra do seu nome em seu braço usando uma faca. Além das ameaças contra ela, J.C.S já chegou a ameaçar a filha caçula.

De acordo com P.O.A, desde quando pediu a separação ela vem sendo ameaçada. J.C.S já havia falado anteriormente para a ex que iria colocar fogo no imóvel. Ela disse que o ex-marido tem passagens por furto e que o mesmo cumpriu pena na FEBEM em São Paulo. P.O.A teme pela sua segurança, uma vez que o ex está foragido.

Notícia retirada do Portal Correio do Estado

About these ads

Deixe um comentário

Arquivado em

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s